Conectadas pelo correio

O convite da festa dos 7 anos da minha filha poderia ter sido mandado, instantaneamente, pelo celular para os pais dos amiguinhos que não estudam na escola. Como os colegas da classe receberam em mãos, decidi, então, enviar para os demais pelo correio.

Alguns selos de R$ 1,15 cada, dois dias de espera e voilà: recebi mensagens das mães (pelo celular) contando a felicidade de seus respectivos filhos ao verem um envelope com seu nome na caixinha do correio ou por baixo da porta.

Uma das crianças, que tem a mesma idade da minha filha, agradeceu o convite mandando uma cartinha como resposta. Logo, ela receberá um novo envelope da futura aniversariante; desta vez, com um desenho. Assim, sem querer, apresentei uma nova forma de comunicação para essas duas garotinhas. E ainda trouxe à tona uma boa lembrança, de quando eu aguardava notícias que chegavam em papel de carta.

Aliás, alguém sabe me dizer se ainda vende papel de carta por aí?

 

carta

 

 

Luciana

Deixe uma resposta